Receita de Bolinha de queijo assada

Bolinha_queijo_assadoo

Ingredientes

  • 1 xícara (chá) de maionese
  • 1/2 xícara (chá) de leite
  • 1/2 xícara (chá) de queijo ralado
  • 3 xícaras (chá) de farinha de trigo (aproximadamente)
  • 2 colheres (chá) de fermento em pó
  • Queijo ralado para polvilhar

Modo de preparo

  • Em um recipiente, misture a maionese, o leite e, aos poucos o queijo ralado, a farinha de trigo e o fermento em pó.
  • Amasse até ficar homogêneo e sem grudar nas mãos (se necessário, adicione mais farinha).
  • Retire pequenas porções e modele as bolinhas.
  • Polvilhe-as com o queijo ralado e distribua-as sobre uma assadeira.
  • Leve ao forno médio e preaquecido por cerca de 15 minutos.
  • Sirva em seguida.

Rolinhos de Nutella para uma segunda-feira deliciosa

20_1459170727.png

INGREDIENTES

– Fatias depão de forma quadrado e sem casca
– Nutella
– 3 ovos
– 500 ml de leite
– 1 colher de sopa de extrato de baunilha
– 4 colheres de sopa de açúcar

MODO DE PREPARO

Use o rolo de massa para achatar as fatias de pão, depois espalhe Nutella por cada fatia (menos nas bordas, porque pode vazar) e enrole. Numa tigela, adicione o leite, o açúcar e o extrato de baunilha.

Em outra tigela, bata os três ovos até que se misturem. Passe os rolinhos de pão no leite e depois na mistura dos ovos. Em seguida, frite em óleo bem quente. Depois que estiverem fritos, passe os rolinhos na mistura de açúcar e canela. Divirta-se!

Fonte: O Bonde

http://www.anunciad.com.br/table_ad.jsp?u=28214

Se o presidente do Brasil e o vice morrerem, quem assume o cargo?

 

per-125-presidente.jpg

O presidente da Câmara dos Deputados (atualmente, o peemedebista Eduardo Cunha). Ele é o terceiro na linha de sucessão presidencial do país, segundo a Constituição Federal. Se ele também bater as botas, a responsabilidade vai para o presidente do Senado Federal e, depois, para o presidente do Supremo Tribunal Federal. Mas esses três só assumem provisoriamente, até que uma nova eleição seja convocada. O prazo para organizar esse pleito é de 90 dias, mas, se for nos últimos dois anos do mandato, cai para 30 dias. De uma forma ou de outra, o presidente e vice escolhidos na eleição extraordinária vão governar apenas até completar o mandato de seus antecessores.

Braço direito de Temer, Moreira fala em corte de programas socais

images_cms-image-000488751.jpgResponsável pelo documento “Ponte para o Futuro”, Moreira Franco defende cortes em programas como o Fies e o Minha Casa, Minha Vida, que conta com subsídios do FGTS; “Isso precisa ser enfrentado antes que vire um grande problema: estão levando o uso do FGTS ao limite – e o fundo é do trabalhador, precisa ser remunerado, não dá para fazer graça com o dinheiro do outros”, afirma; PMDB também estuda revisão de gastos do SUS

Uma reportagem da jornalista Alexa Salomão informa que as diretrizes econômicas de um eventual governo Michel Temer preveem uma revisão drástica dos gastos sociais.

Um dos principais responsáveis pelo programa é o ex-governador do Rio de Janeiro, Wellington Moreira Franco, que elaborou o documento “Ponte para o futuro”.

As mudanças envolvem a revisão de vários programas sociais, como o Minha Casa, Minha Vida e o Fies, além do próprio Sistema Único de Saúde.

“Avaliamos medidas da área social que possam beneficiar a população, combater a pobreza e, ao mesmo tempo, manter o equilíbrio fiscal e a saúde das contas públicas: são medidas que já foram usadas no Brasil, que são adotadas em vários países”, disse Moreira Franco.

Um dos seus alvos é o programa habitacional do governo Dilma, que conta com subsídios do FGTS. “Isso precisa ser enfrentado antes que vire um grande problema: estão levando o uso do FGTS ao limite – e o fundo é do trabalhador, precisa ser remunerado, não dá para fazer graça com o dinheiro do outros.”

Ele também falou sobre o Fies, o Fundo de Financiamento Estudantil. “O Fies é eficaz, mas precisa de meritocracia”, afirmou Moreira. “Não pode ocorrer como no ano passado, quando vimos 3 milhões de alunos perdidos, sem repasses, ouvindo a desculpa que havia problema no sistema de informática, mas era falta de dinheiro para todo mundo.”

“Existe ainda a leitura de que é fundamental fazer uma intervenção no SUS. O sistema é vital, mas está fora de controle. Não há, porém, clareza sobre como reorganizá-lo. Ao final, as propostas de cunho social vão se somar as da área macroeconômica para criar um pacote de reestruturação dos gastos”, informa a reportagem de Alexa Salomão.

Fonte: Brasil 247

Uma explosão matou 10 pessoas do lado de fora de um parque público na cidade de Lahore no Paquistão

papappapaafj2po4jogíp.jpg

LAHORE, Paquistão (Reuters) – Uma explosão matou 10 pessoas do lado de fora de um parque público na cidade de Lahore, no Paquistão, capital de Punjab, coração político do primeiro-ministro Nawaz Sharif, disseram oficiais do resgate.

A polícia disse que a natureza da explosão ainda não estava clara.

“Pelo menos 10 pessoas foram mortas em uma explosão do lado de fora do Parque Gulshan Iqbal”, disse à Reuters o porta-voz do Recuse 112 Jam Sajjad Hussain, acrescentando que mais de 30 pessoas ficaram feridas e haviam sido levadas a diversos hospitais na cidade.

A maioria dos feridos eram mulheres e crianças, disse Hussain.

O Paquistão, nação com armas nucleares de 190 milhões de pessoas, é atormentado pela insurgência Taliban, gangues criminosas e violência sectária. Punjab é sua maior mais rica província.

Fonte: Extra

Hoje começa a campanha “Desliga a Globo que o Brasil melhora”. ‪#‎ParaTiGlobo‬

DESLIGA A GLOV.jpg

Utilizem a tag ‪#‎ParaTiGlobo‬ no Twitter.
Confira aqui todas todas as falcatruas que a Globo esconde de você.

Bepe Damasco – Com palestras dos jornalistas e blogueiros Paulo Henrique Amorim e Miro Borges, dia 3 de março, HOJE, no auditório da CUT-RJ, às 18h, a direção da central no Rio lança campanha para esclarecer a população o quanto a Globo faz mal ao país.

Tradicional inimiga das causas populares e democráticas, a Rede Globo, líder do monopólio midiático brasileiro, tem se superado cada vez mais em termos de manipulação da informação, da mentira e do assassinato de reputações. Tudo em nome dos seus interesses políticos e comerciais.

Nunca é demais lembrar o currículo dessa organização. A Globo esteve na linha de frente da campanha que levou Vargas ao suicídio, tentou de todas as maneiras impedir a posse de Jango e apoiou o golpe militar que censurou, perseguiu, cassou, baniu, prendeu, sequestrou , torturou e assassinou tantos opositores do regime.

As empresas da família Marinho tentaram sabotar a campanha das Diretas Já e escreveram um dos capítulos mais tristes do jornalismo brasileiro nas eleições presidenciais de 1989, quando editaram de forma grosseira o debate entre Lula e Collor, para prejudicar o candidato do PT.

A criminalização dos movimentos sociais e a oposição a tudo que lembre inclusão social e soberania nacional são outras marcas registradas globais. Agora, a Globo aposta suas fichas no cerco midiático aos ex-presidente Lula e a tudo que ele representa em termos de melhoria de vida dos mais pobres e desfavorecidos.

A boa notícia, porém, é que cada vez mais brasileiros percebem a que interesses antipopulares servem o império de comunicação da família mais rica do país, segundo a revista Forbes. Por isso, sua audiência despenca a olhos vistos , bem como seus leitores. Nas manifestações de rua tornou-se obrigatório o grito “o povo não é bobo, abaixo a Rede Globo.”

Contudo, não podemos menosprezar a força de um monopólio de 50 anos na disputa por corações e mentes. E a campanha “Desliga a Globo que Brasil melhora” é parte do movimento pela democratização da mídia, na qual a CUT tem papel destacado.

Fonte: Debate Progressista